Conhecida popularmente, como “dor de ouvido”, a otite é uma inflamação causada por uma infecção por fungos, vírus ou bactérias, por lesões na orelha (ouvido) ou ainda ser reflexo de problemas em outras regiões. 

Ela pode atingir qualquer pessoa, independente da idade. Porém, costumam ser mais frequentes nas crianças.

Além disso, pode ocorrer em três áreas diferentes do canal auricular, conhecida como otite externa, otite média ou otite interna.

O que é a Otite Externa?

A otite externa ocorre quando a infecção por bactérias e fungos acomete a região externa da orelha, ou seja, a parte constituída pelo pavilhão auricular e a porção mais externa do tímpano. 

Qual é a causa?

Normalmente a causa da otite externa é ocasionada por lesões na pele por objetos, como cotonete e grampos, além do contato com água contaminada do mar e piscinas.

Quais são os sintomas?

  • Dor intensa; 
  • Secreção;
  • Coceira.

Como é feito o tratamento?

O médico otorrinolaringologista será o profissional responsável por realizar esse tratamento, podendo prescrever o uso de remédio para otite externa, como analgésicos ou remédio em gotas para o ouvido

Além disso, um tratamento caseiro seria utilizar o calor local para aliviar a dor.

O que é a Otite Média?

A otite média é uma infecção localizada no ouvido médio, que pode ocorrer após um episódio de resfriado, dor de garganta ou infecção respiratória. 

Qual é a causa?

Geralmente essa infecção resulta pelo mau funcionamento da trompa de eustáquio, conhecida como tuba auditiva. 

A trompa de eustáquio ajuda a equalizar a pressão entre o ouvido externo e o ouvido médio. 

Porém quando esse tubo não está funcionando corretamente, ele evita a drenagem normal do líquido do ouvido médio, o que acarreta em um acúmulo de secreção atrás do tímpano, permitindo o crescimento de bactérias e fungos. 

Estudos mostram que mais de 80% das crianças têm pelo menos um episódio dessa doença por volta de 3 anos de idade. 

Crianças com síndrome de Down, fenda palatinafibrose cística e as que não foram amamentadas são mais vulneráveis a essa infecção, além daquelas que convivem com fumantes, já que estão mais sujeitas a infecções respiratórias.

Quais são os sintomas?

Há uma lista de sintomas da Otite Média, que podem ser elencados dessa maneira:

  • Dor de ouvido;
  • Irritabilidade;
  • Dificuldade para dormir;
  • Febre;
  • Secreção amarela, clara ou com sangue dos ouvidos;
  • Perda de equilíbrio;
  • Problemas de audição;
  • Náusea e vômito;
  • Diarréia;
  • Diminuição do apetite;
  • Congestão Nasal.

É importante ressaltar que há uma divisão da otite média, podendo ser crônica ou aguda.

OTITE CRONICA OU AGUDA

A Otite Média Aguda

 A Otite Média Aguda desenvolve-se subitamente, devido ao excesso de líquido e muco dentro do ouvido, não drenado naturalmente. 

Ocasiona inchaço, vermelhidão, além de febre, dor de ouvido e perda auditiva.

Essa infecção pode durar mais ou menos duas semanas.

A Otite Média Crônica

Já a Otite Média Crônica apresenta-se pela perfuração da membrana timpânica de longa data e realização de drenagem do muco constantemente. 

Uma das causas da otite média crônica é a otite média aguda e o bloqueio da tuba auditiva. 

Após uma infecção de nariz e garganta, ou depois de ter entrado água no ouvido durante o banho ou ao nadar, pode sofrer um agravamento que resultará em uma secreção indolor de pus com mau cheiro.

Como é feito o tratamento?

O otorrinolaringologista é o médico que poderá prescrever a melhor solução para o tratamento, podendo indicar uso de análgesico para aliviar a dor ou de antibióticos por via oral ou gotas no ouvido.

Em alguns casos, quando a secreção permanece por mais de 3 meses, é necessário realizar uma microcirurgia para drenar o líquido e aliviar a pressão no ouvido médio, quando é colocado um tubo de ventilação para evitar o acúmulo de secreção.

O que é a Otite Interna?

Essa infecção atinge a área interna do ouvido, formada pela cóclea e pelos canais semicirculares, responsáveis pelo equilíbrio.

Qual é a causa?

Devido às inflamações e irritações ocasionada, o indivíduo pode ter problemas de labirintite, caso a infecção atingir o labirinto.

Quais são os sintomas?

  • Desequilíbrio;
  • Vertigem;
  • Tontura.

Como é feito o tratamento?

Por ser considerada muito grave, a otite interna pode levar a internação do paciente para que obtenha uma melhora do quadro.

Otite em bebê existe?

Sim, existe! A otite em bebê pode se apresentar muito forte, causando muito choro, dificuldade para dormir e muita agitação. 

Normalmente, o bebê pode sinalizar a infecção puxando a orelha ou levando a mão até o ouvido.