Muitas pessoas quando sentem algum desconforto auditivo, como um zumbido no ouvido, podem – e deveriam – realizar um teste de audição.

O teste de audição é conhecido como audiometria e habilitado a testar a capacidade do paciente em ouvir sons.

Neste artigo iremos explicar como funciona o teste de audição e, então, você poderá entender se precisará fazer uso de aparelho auditivo.

O que é o teste de audição?

O teste de audição, como explicado anteriormente, testa a capacidade do paciente de ouvir sons.

Ele pode variar de acordo com a velocidade e intensidade de vibração das ondas sonoras, que são conhecidas como tons.

O que é possível descobrir no teste auditivo?

Com o teste auditivo, é possível determinar o quanto uma pessoa consegue ouvir.

Para realizar esse teste auditivo, é necessário um equipamento chamado audiômetro (que, nós, na Otoclinic, possuímos).

Ele auxilia a identificar a capacidade do paciente de ouvir diferentes intensidades sonoras.

Como entender a intensidade do teste auditivo?

A medida utilizada para mensurar a intensidade do som são os decibéis (dB).

Por exemplo: um sussuro tem cerca de 20dB. Uma música alta em show variam de 80 a 120 dB.

Já os tons do som podem ser medidos em hertz ou ciclos por segundo (cps).

Os tons mais baixos e graves tem uma média de 50 a 6o Hz. Os agudos possuem intervalo de 10.000 Hz ou mais.

Algumas curiosidades: alguns animais conseguem ouvir até 50.000 Hz e a fala humana possui frequência de 500 a 3.000 Hz.

Como é realizado o teste de audição?

O teste de audição pode variar, mas quase sempre há o bloqueio de uma orelha por ve para entender a capacidade de ouvir palavras faladas ou apitos.

O teste auditivo permite uma medida mais correta da audição.

Para realizá-lo, é necessário o uso de fones de ouvido ligados ao audiômetro.

Os tons conhecidos como “puros”, que possuem sua intensidade mais controlada, são passados em uma orelha por vez.

A pessoa responsável pelo exame, que é o Fonoaudiólogo Audiologista, orientará o paciente a apertar um botão, indicar ou levantar a mão quando ouvir um som.

Tudo isso será representado ao final do exame graficamente.

teste de audição

Quais são os resultados em um teste de audição?

Ao terminar o exame, o resultado do teste auditivo é exposto em um gráfico, que é chamado de audiograma.

Nesse audiograma terão as variações dos sons ao qual o paciente foi submetido.

Como explicada anteriormente, essa medida é calculada em decibéis, numa escala que vai de 0 a 120.

  • Abaixo de 25 dB: é considerado audição normal;
  • De 26 a 40 dB: é considerada uma perda auditiva leve;
  • De 41 a 70 dB: é considera uma perda auditiva moderada;
  • De 71 a 90 dB: é considerada uma perda auditiva severa;
  • Acima de 90 dB – é considerada uma perda profunda da audição.

Qual é a preparação necessária para o teste auditivo?

Não há necessidade de qualquer preparação especial para realizar esse tipo de exame.

Há incômodo na realização do exame audiométrico?

Não há qualquer tipo de incômodo.

Quais são os riscos nesse exame?

Não há qualquer tipo de risco à saúde do paciente.

Quanto tempo leva para realizar o exame?

Nesse quesito, o teste é variável.

Em uma triagem inicial, o exame pode durar de 5 a 10 minutos.

Caso seja um teste auditivo bem detalhado, poderá levar cerca de uma hora.

Considerações finais

Quer fazer um teste auditivo em São Paulo/SP?

Fale com a gente pelo Whatsapp (11) 94497-0761 ou pelos telefones (11) 3804-7723, (11) 3804-7724 e (11) 2979-4912.

Possuímos profissionais capacitados e aparelhos de última geração para realizar um teste de audição preciso.

É importante entender que o teste de audição é essencial para manter a boa saúde do seu ouvido.

Viviane Ribeiro é a Fonoaudióloga responsável pelo atendimento na Otoclinic Aparelhos Auditivos. É formada em Fonoaudiologia pela PUC/SP e pós-graduada em Audiologia pelo Instituto de Estudos Avançados da Audição.